Hora de Mudar

O Essencial e o Fundamental

O Essencial e o Fundamental

Estamos vivendo um momento de grandes transformações na humanidade. Fazendo parte da história.

 

O mundo está mudando e precisamos nos adaptar. Em todas as épocas de transformações somente os animais que se adaptaram sobreviveram, os demais foram extintos.

 

Ainda em setembro/outubro antes mesmo do anúncio da crise mundial, mas já antevendo tempestades à frente, começamos aqui na ADDMARK uma série de estudos para projetar a nova realidade e como iríamos sobreviver.

 

Percebermos que era preciso distinguir o essencial do fundamental. Como?

 

Essencial é tudo aquilo que não podemos deixar de ter: felicidade, amorosidade, lealdade, amizade, sexualidade, religiosidade.

Fundamental é tudo aquilo que nos ajuda chegar ao essencial. Fundamental é o que nos permite conquistar algo. Por exemplo, trabalho não é essencial, é fundamental.

 

Ninguém trabalha para trabalhar, nós devemos trabalhar porque o trabalho nos permite atingir a amizade, a felicidade, a solidariedade. Dinheiro não é essencial, é fundamental. Sem ele, você passa dificuldade, mas ele, em si, não é essencial. O que queremos enfim no nosso trabalho é ter nossa obra reconhecida e nos sentir no conjunto da obra.

 

Na ADDMARK é a mesma coisa.

 

O Essencial é tudo que não podemos deixar de ter: felicidade, bom ambiente de trabalho, lealdade, amizade, segurança, status, realização profissional, satisfação de nossos clientes enfim participar da construção da Torre.

 

O Fundamental é conseguimos agregar valores em cada venda de tal maneira que consigamos sempre obter “dinheiro” (lucro) para chegarmos ao essencial.

 

 

“Por sugestão em um comentário que pode ser lido abaixo estou corrigindo o texto e citando o livro “Qual é a tua obra? de Mario Sergio Cortella. Realmente é um dos livros lidos durante a vida mas não foi o motivo do texto, mas com toda certeza o subconsciente deve ter falado mais alto. Obrigado Veronica pela dica.”

One thought on “O Essencial e o Fundamental

  1. Veronica

    Além de falar sobre essencial e fundamental, o livro “Qual é a tua obra” de Mario Sergio Cortella – de onde vocês extraíram as informações acima, sem citação – fala também sobre ética.
    Importante sempre citar a fonte para manter a confiabilidade dos leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + catorze =