Hora de Mudar

Amor para sempre

Amor para sempre

RITA LEE AMOR E SEXO

 

<<<<Escolha a foto e clique no video da Rita Lee 

 

“Amo a liberdade, por isso deixo as coisas que amo livres. Se elas voltarem é porque as conquistei. Se não voltarem é porque nunca as possuí”. (John Lennon)

“Se o amor é fantasia, eu me encontro ultimamente em pleno carnaval”. (Vinícius de Moraes) 

 “O amor, se não for eterno, não era amor” (Nelson Rodrigues)

“Se você sabe explicar o que sente, não ama, pois o amor foge de todas as explicações possíveis”. (Carlos Drummond de Andrade)

“Amor é prosa, sexo é poesia”. (Arnaldo Jabor)

 

 

Quando um homem e ou uma mulher sentem atração um pelo outro começa um relacionamento que é regido de maneira diferente por cada sexo.

Regido pelo hemisfério esquerdo do cérebro, tanto no trabalho como no amor, no homem prevalece o caráter prático e metódico, após uma análise objetiva de onde quer chegar, e qual a harmonia visual (o que é mais belo para si, dentro de sua concepção), e demora em demonstrar emoções.

A mulher ao contrario é regida principalmente pelo hemisfério direito, embora utilize com maior facilidade ambos, onde prevalece à intuição e a sensibilidade, a busca do aconchego e é romântica, geralmente se apaixona no primeiro encontro, idealiza o parceiro e sua relação com ele.

Quando no encontro inicial os dois percebem interesses comuns, e vem aquela sensação de ter encontrado a “alma gêmea”, inicia-se a paixão.

Na paixão entramos num estado de euforia, misturado com incerteza e medo de perder aquilo que nem sabemos se temos, mas existe uma fixação, uma paralisia mental, um encantamento. Nesse momento sentimos a necessidade de estar juntos a toda hora, de contato constante com o outro (presença física, telefônica ou virtual).

A paixão vai evoluindo e começamos a temer a perda da identidade, mas o estado de felicidade gratifica. Mais adiante, a realidade e a frieza do dia a dia, descobre-se que existem diferenças e isso pode gerar decepção e levar ao rompimento, a monotonia, ou a dissociação saudável com a busca da individualidade e crescimento de ambos.

É o momento que o “nós” se transforma em “eu” e “você”, cada um com seus objetivos pessoais, mas com um projeto de vida iniciado em comum. Agora é preciso fator maturidade para que a paixão possa evoluir e se transformar no amor, onde existe um pacto de amizade, respeito pela individualidade, cumplicidade, acrescido de uma vida erótica gratificante.

Entretanto essa diferenciação ou crescimento pessoal de um ou de ambos, pode gerar sentimentos diversos e conflituosos levando a discussões e brigas cotidianas, ou então a uma acomodação e apatia, tornando a união apenas de conveniência ou mesmo evoluir para o rompimento.

“O amor dá trabalho, muito trabalho, tem-se que regrar o jardim todos os dias. Não é para gente covarde, preguiçosa, egoísta, rancorosa, insensível ou maldosa ”.

Para se manter um relacionamento prazeroso e amoroso temos que sempre reconquistar (carinho, afeto, atenção e erotização), manter constantemente o diálogo sem preconceitos e o reconhecimento do projeto de vida em comum.

Em época que se fala muito em sustentabilidade da natureza e do meio ambiente, também para se ter  um relacionamento sustentável temos que reciclar efetuar mudanças, e ambos tem que ter o desejo de continuar partilhando a vida em comum, respeitando a si e ao outro, deixando o amor prevalecer.

Estamos próximo do dia dos namorados que tal fazer um balanço entre créditos e débitos e mudar e renovar sua relação com o seu amado(a).

“SEXO É ESCOLHA – AMOR É SORTE”  Rita Lee

6 thoughts on “Amor para sempre

  1. CARMEN

    Depois de ler oq os poetas escreveram e depois de ler o seu texto,falar o que se já esta tudo escrito?

  2. Andressa DF

    Para se manter um relacionamento prazeroso e amoroso temos que sempre reconquistar.

    Concordo plenamente.

    Parabéns pelo texto! =]

  3. Alessandra

    Cobranças, acusações, suposições destroem qualquer relacionamento. Por que insistimos?
    No próximo vou tentar me doar sem me preocupar em competir. Lindo texto Sr. autor, bjs.

  4. Vera

    Um relacionamento saudável é feito de muita doação, apenas precisamos avaliar até que ponto esta doação vale a pena, ou seja, ela tem que ser uma via de mão dupla, senão é melhor a separação, porque não há nada mais deprimente e destruidor que acusações e cobranças, não é mesmo?

    Até mais…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − 16 =