Hora de Mudar

Crise dos 30 anos? Então chegou a Hora de Mudar

Crise dos 30 anos? Então chegou a Hora de Mudar

Crise dos 30 anos? Então chegou a Hora de Mudar

picasso

 

Aos 30 anos, dois anos antes ou dois depois, a maturidade bate a porta. Acabou-se a infância, a adolescência, os 20… e poucos anos. Chega a crise dos 30, um drama que atormenta muita gente, mas quando vivida com equilíbrio, pode se reverter em muitas conquistas.

As cobranças internas aumentaram e com elas aparecem um turbilhão de questionamentos.

Será que estou fazendo o que gosto?

Será que vou casar?

Será que vou ter filhos?

Será que estou curtindo minha filha?

Será que estou ficando velha?

Será que eu estou no caminho certo?

Será? Será? Será?  . . .

Pare e pense nesse período da sua vida, nesses últimos 30 anos. Pode-se sim dizer que chegar aos 30 anos já é uma vitória. Você venceu as desilusões dos erros cometidos, os incômodos hormonais da adolescência, as loucuras da fase dos vinte, os primeiros rastros da flacidez e da celulite que surgiram sem que precisasse de sessões dobradas de terapia com seu psicólogo.

Só que, por mais que a mulher (e o homem também) se esforce para se sentir uma vencedora, aos 30 anos acaba se deparando com uma perturbadora constatação: agora é para valer e assim começa a crise dos 30.

Ao contrário do que pode parecer a princípio um grande problema, na realidade pode ser a solução. Em qualquer circunstância sempre que se toma a decisão de mudar algo temos que fazer uma avaliação para poder escolher os novos caminhos e equilibrar melhor nossa vida pessoal e ou profissional. Na crise dos 30 não é diferente, você tem que parar e fazer uma análise de quais caminhos vai realmente percorrer daqui para frente.

A natural ansiedade feminina faz com que as mulheres sejam as maiores vítimas da crise dos 30, afinal as exigências consigo mesmo são tantas que não conseguem saber em que ordem deve priorizar os seus desejos.

Isso se agravou violentamente com a enorme quantidade de atividades que as mulheres hoje acumulam. Com a revolução feminina elas pediram igualdade de trabalho, e pensaram que substituiriam funções, mas na verdade o que ocorreu foi uma acumularam funções: ela trabalha, é dona de casa, é mãe, é esposa, é amante, é profissional, é amiga, é companheira, quer ter o corpo magro e malhado, enfim é muita coisa para uma só pessoa gerando com todas essas cobranças desconforto e insatisfação.

Vamos, pare já com isso, deixe essas neuroses de lado e aproveite a vida que escolher, seja ela qual for. Pare de se atormentar com a sensação de que o relógio do tempo está acelerando e que qualquer erro pode ser fatal.

É da natureza da mulher, nessas horas, ficar com muito medo, porque a sensação é de que as coisas são mais definitivas, só que, se não nos permitirmos errar, seja lá em que idade for não vamos nem sair da cama de manhã.

E chega aquela hora que você se faz as perguntas:

  • que diabos eu estou fazendo da minha vida?

  • o que eu já realizei de concreto?

  • é isso mesmo que vou querer para o resto da minha vida?

  • como será minha vida quando estiver com 40 anos?

e muitas outras.

Procura, procura e não encontra nada. Tudo era fácil. Tinha a sua vidinha, seus namorados, seu trabalho. Mas tinha também muita coisa que você planejava conquistar e não conseguiu. Agora está com medo de ficar careta, de virar uma velha, de se acomodar nessa mesmice.

De repente, como do nada, começa a descobrir as respostas a todas suas perguntas e muitas outras respostas. Percebe as coisas claras, que tem conhecimento da vida e alguma maturidade. Coisas que você foi conquistando ao longo desses anos, mas que até então, não tinha percebido.

Para sair dessa rotina e evitar que se torne uma prisão, a mudança precisa começar na forma de pensar. As mulheres são e sempre serão questionadoras por natureza e provavelmente sempre estarão insatisfeitas com algo na vida. Isso pode ser um dos caminhos. Questionar e achar novos caminhos é crescer, mesmo sofrendo no início com a decisão. O outro é não se deixar abalar por qualquer coisa. O aparecimento de umas rugas ou uma celulite não pode ser o fim do mundo, querer negá-las é como negar o passado.

Lembrem-se a maturidade começa quando encaramos todo esse processo com naturalidade, porque é natural. Sobrenatural é fingir que nada está acontecendo e se tornar escrava da juventude eterna, da vida com os pais, do emprego que não te realiza, do companheiro que não te valoriza, etc.

Ser positiva é a grande chave da porta de entrada do castelo chamado felicidade. Concentre-se no lado bom das situações. Para ter tranqüilidade nessa fase controle sua ansiedade e seu perfeccionismo. Erros fazem parte do aprendizado e ninguém é perfeito.

Para o corpo sair da mesmice volte a praticar uma atividade física, e com certeza seu humor melhorará. Durma bem e sonhe. O sono repõe as energias do corpo e os sonhos vão te ajudar a arrumar seu mundo interior.

Olhe seu trabalho com outros olhos. Trabalhe com prazer. Fazer o que gosta é essencial para a sua felicidade. Vai te dar segurança pessoal e porque não segurança financeira. Por isso, corra atrás deste objetivo.

Sim, isso mesmo, a crise dos 30 anos é o primeiro passo do ritual de iniciação na vida adulta.  A partir desse instante começa o verdadeiro processo de autoconhecimento e você começa a se levar mais a sério.

Você está se tornando adulta, gente, madura, confiante, vencedora, capaz e não vai se deixar imobilizar pelas dúvidas e cobrança excessiva.

Trofeu Coruja

Como prêmio dessa batalha vai ganhar o troféu SABEDORIA, algo fundamental para aproveitar a vida que, afinal de contas, está apenas começando.

9 thoughts on “Crise dos 30 anos? Então chegou a Hora de Mudar

  1. Emanuelle

    Ola, acredito que todas as mulheres passam por essa crise, independe da personalidade.
    Eu com certeza sou uma delas e estou passando por isto.
    Adorei o texto, esclareceu muitas coisas…
    Obrigada!!!

  2. sueli SS

    maravilhoso este texto me ajudou muito,o importante e realmente ser feliz acima de tudo e se aceitar de uma vez por todas, com certeza colocarei isto em pratica.obrigado!

  3. Carol Jr

    Parabens por este texto maravilhosooo!!! Estou exatamente assim,pensei q era doidice minha!rsrsrs Valeuu!! Abraços….

  4. Carolina R

    Autor desconhecido, seu texto veio de encontro e esclareceu muita coisa…como disse Alyssia, “entrou dentro de mim”!!
    Paz

  5. Pingback: Tweets that mention Crise dos 30 anos? Então chegou a Hora de Mudar « Hora de Mudar -- Topsy.com

  6. Andressa Sousa

    Inaugurando o botão “Like” e o “Share”!
    Adorei o texto e já vi esse filme em algum lugar. hehehe
    =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × quatro =