Curvas da Vida

Curvas da Vida

by Kátia de Carli

Nesta longa estrada da vida, devemos sempre buscar o amor. Longos percursos, muitas curvas, muitos túneis sem graça passamos ou passaremos.

foto: José Eduardo Boaventura

Passamos por estradas cujo horizonte era o sol se pondo e nascendo. Seu reflexo nas águas do mar ou dos lagos foram momentos especiais que vivemos intensamente. Sempre se entregue totalmente nesses momentos especiais e não se arrependa de nenhum, pois são únicos.

Mas também houveram muitas desilusões e trovoadas nessa longa viagem, mas nunca desisti porque me sinto sempre amparado por uma luz dourada. Você também tem uma luz dourada iluminando sua estrada, perceba isso.

Por mais que as noites fossem escuras aprendi a seguir em frente, sem nenhuma armadura ao contrário de tanta gente.

Com uma luz a me guiar, e obediência ao coração e muita resignação continuei a procurar, certo de um dia encontrar o que sempre busquei.

Amo por amar, não é caso de teimosia apenas aprendi que é no dar, que a vida tem mais valia.

Nessa estrada da vida quanto mais curvas faço mais me convenço que o amor é um combustível inigualável para nos manter nessa viagem.

Por grandes problemas todos passamos que são como grandes curvas perigosas nessa nossa longa estrada, ou um acidente de percurso nessa viagem que fazemos aqui na Terra.

E realmente é o que acontece conosco. Eu, depois de um longo percurso em linha reta me deparei com uma grande curva, a superei, peguei uma nova reta, e me deparei com uma enorme curva novamente, onde o meu carro quebrou e estou tentando dar um jeitinho para pelo menos chegar até a uma oficina mecânica próxima, para assim seguir viagem.

Sim, você tem razão essas curvas são chatas, pois precisamos diminuir a velocidade para não nos acidentarmos nelas. Passamos por altos e baixos na nossa vida, mas sempre acumulando experiência a fim de sermos pessoas melhores, aprendendo preciosas lições. Aprendemos mais nessa vida com as dificuldades que passamos que ajudam a moldar nosso caráter e nos dão toda essa bagagem de vida que possuímos.

Mas pensem comigo: pode ter sido ruim o seu carro ter quebrado numa curva da estrada, mas quem sabe não foi melhor ter quebrado nessa curva, do que de repente ter acontecido isto num lugar ermo, onde é noite, não tem ajuda por perto, no qual você corre perigo de não sair tão cedo de lá, ou até sofrer um acidente ainda mais grave, como cair numa ribanceira. Acredite, pode estar sendo ruim agora, mas poderia ser pior!

foto: José Eduardo Boaventura

Agora estou virando nesta curva com cautela, pegando uma nova reta, prestando atenção nas sinalizações, mesmo que a neblina esteja também atrapalhando minha visão, tendo paciência e logo logo sei vou ver aquela pista reta e livre poder percorrer com tranqüilidade novamente.

 

 

 

 

 

A M A R   F A Z   B E M,   A C R E D I T E

 

5 thoughts on “Curvas da Vida

  1. Karen

    A vida é cheia de curvas o importante é sabermos entrar nelas sem pisar no freio da vida para não capotarmos. Adorei seu texto, senhor editor.

  2. Angela

    A vida é realmente cheia de curvas.
    A maioria delas não possue placa de indicação para sabermos que é hora de tirar o pé e diminuir a velocidade.
    Mas, eu tenho certeza que no trajeto, anjos nos acompanham para se certificar que no final tudo vai dar certo.
    Seu texto é muito lindo!!!
    Adorei as fotos!

  3. KATIA

    ou seja as curvas da vidas parecem obstáculos que nos fazem cair, parar, tropeçar, desviar mas também nos fazem levantar e aprender com nossos erros e enganos da vida fazendo com que nos tornemos pessoas melhores e mais humilde, e lá esta a estrada com mais curvas que nunca se acabam mas que fazem parte de nossa história, adorei o seu texto

  4. Carmen

    As curvas da estrada de nossas vidas,servem para nos por alertas aos perigos nela existentes,e com isso contribue para o nosso crescimento.

  5. Raquel

    Curvas da vida…
    Amores e dores,
    Encontros e desencontros.
    Como dizia Vínicius:
    “A Vida é a arte do encontro embora haja tantos desencontros pela vida”.
    Encontros e desencontros no Amor, nos Sonhos e as vezes até de Mundos!!
    Mas sabe-se lá, em qual curva iremos derrapar ou até mesmo nos encontrar!
    Adorei o texto e as fotos!

Deixe uma resposta